MUNICÍPIO VAI RECEBER R$ 297MIL PARA AÇÕES DE PROTEÇÃO ÀS MULHERES VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA

Data de publicação

30/04/2018

Data de atualização

30/04/18 06:55:15

Recurso foi conquistado pela comunidade através da Consulta Popular 2017

Salvar imagem

| Crédito: Taís Vargas

por Giana Pontalti

O acolhimento as mulheres vítimas de violência doméstica em Vacaria é o tema de projeto aprovado na sessão ordinária desta segunda-feira(30).
O Projeto de Lei executivo 24/2018 prevê a aplicação de R$ 297.943,00  - recursos oriundos da Consulta Popular 2017 -  na infraestrutura da Casa Abrigo e na capacitação profissional das mulheres vítimas de violência. 

A Casa Abrigo está em funcionamento desde dezembro de 2017, mas ainda precisa de melhorias para bem receber às mulheres vítimas e seus dependentes. Do recurso que será recebido, R$ 55.028,00 serão utilizados para mobiliar e equipar a casa, que tem capacidade para abrigar oito pessoas.

Os outros R$ 242.915,00 serão empregados cursos de capacitação. Cursos e oficinas serão promovidos visando a independização financeira das mulheres em relação aos seus agressores. 

Em 2017, as veredoras Selmari Souza da Siva (PT), Rita Zamboni (PSB) e Vanesa de Almeida Boeira (PSDB) sensibilizaram a comunidade vacariense para participar da Consulta Popular. "Nós nos empenhamos muito na divulgação da Consulta, alertando a população da importância de conquistarmos recursos para a Casa Abrigo. Felizmente, a demanda ficou entre as mais votadas, e o recurso chegará ao Município" explicou Selmari, presidente da Procuradoria da Mulher. 

Segundo a vereadora Rita Zamboni (PSB), uma casa que acolhe temporariamente as mulheres vítimas de violência e seus dependentes é fundamental para amparar imediatamente a vítima, evitando que retorne para o mesmo local do agressor, rompendo com o ciclo de violência. 
Em Vacaria, são registradas cerca de 90 a 100 denúncias de violência contra a mulher mensalmente. A informação é do Posto da Mulher da Delegacia de Polícia. 

O Projeto de lei 24/2018 recebeu o voto favorável de todos os vereadores. Junto ao projeto, foi apresentado um plano de trabalho - Mulheres em Ação -  que elenca o número e quais oficinas serão realizadas. As vereadoras da Procuradoria da Mulher estudaram o projeto e sugeriram capacitações diferentes das propostas. "Já fizemos duas reuniões com o Executivo para sugerir cursos com maior chance de empregabilidade, como na área da construção civil e curso de cuidadores de idosos" explicou Selmari. 

"Os cursos só serão realizados após a liberação de recursos do Governo do Estado. Ainda não há previsão de quando acontecerá", informou Vilson Ceron, Diretor da Captação de recursos da Prefeitura Municipal de Vacaria. 

Compartilhar

ATENDIMENTO AO PÚBLICO: Segunda a Sexta-feira das 8h às 11h30 e das 13h30 às 18h.

INFORMAÇÕES

54 3232-1003 | 3232-4444
camara@camaravacaria.rs.gov.br

Rua Júlio de Castilhos, 1302
Centro - Vacaria/RS
CEP: 95200-000

SIGA-NOS

Este site é mantido pelo Departamento de Comunicação Social da Câmara Municipal de Vacaria | site desenvolvido por Six interfaces